Acontece
Encontro presencial em Carapicuíba (SP) aborda artes híbridas de forma divertida e esclarecedora

A palestrante Stella Ramos, licenciada, bacharel e mestre em Artes Plásticas mostrou aos professores do município participantes do Projeto Aprendendo com Arte que é possível criar uma arte baseada na união harmoniosa de suas diversas formas. Ela propôs aos educadores que, por meio de dinâmicas, eles elaborassem performances divididas entre os grupos “espaço”, “movimentos do corpo”, “som” e “texto”. Depois, suas produções foram colocadas juntas, de maneira que todas as linguagens se complementassem e formassem uma só obra.

“Quando se parte de uma experiência para a aprendizagem, você se envolve com os conteúdos em uma perspectiva muito particular e pessoal, porque você, de fato, se entrega a esse tipo de conteúdo. É muito diferente quando se vive uma experiência dessas na prática, pois a relação que se passa a ter com aquilo se torna muito mais viva do que antes”, comenta Stella sobre a importância da dinâmica das artes híbridas para entender melhor o conceito.

Débora de Andrade, professora e participante do Aprendendo com Arte, afirma que o curso tem sido interessante para aumentar seu repertório como educadora, por compartilhar experiências e conhecer novos aspectos da arte. “Também é muito importante termos esses encontros, porque às vezes temos algumas dúvidas que não são tão esclarecidas somente on-line. O curso semipresencial nos ajuda, pois é a prática e a vivência que nos faz refletir e ampliar possibilidades”, afirma.

@

Não ativo recentemente